Orelhões do futuro podem ter wi-fi

A Anatel anunciou nos últimos dias que dará nova vida aos orelhões, que desde a ascensão da telefonia móvel, já estão obsoletos no Brasil: propôs que 40% dos orelhões brasileiros sejam desativados, e que os 60% restantes agora tenham internet wi-fi instalada.

 

A Oi, que administra quase 90% dos orelhões  de Minas Gerais, afirma que houve queda de  aproximadamente 40% ao ano no consumo de crédito em seus orelhões. Afirma ainda que, em 2010, menos de 4% da população utilizou os orelhões diariamente,  e destaca frequentes atos de vandalismo aos aparelhos (o que ainda será um desafio, no caso do wi-fi ser  instalado).

wi fi

 

Em matéria veiculada no Estado de Minas,  o Diretor-Presidente da Web Consult, Léo Bortoletto, comenta que esta seria uma alternativa inteligente por facilitar e incentivar o uso de smartphones e por aproveitar uma estrutura já existente, e agora quase sem uso. Comenta ainda que o uso do orelhão é uma forma de movimentar a cadeia da telefonia, já que as operadoras terão que investir mais em  pacotes de dados, já que o cliente vai querer usar também uma internet de qualidade longe desses pontos de wi-fi.

 

A matéria completa está disponível para assinantes no site do Estado de Minas: http://www.em.com.br/ .